Importante!

Todas as receitas deste blog são isentas de glúten. Algumas são naturalmente sem glúten e outras foram desenvolvidas e balanceadas com as substituições necessárias. Sempre que se aplicar haverá o marcador "sem lactose" e "sem ovos" com as dicas para as substituições. Para todas as receitas, utilizo como padrão de medida, xícara (chá) com capacidade para 200ml.

Copyright

Copyright
Todos os posts e fotos constantes neste blog estão protegidos pela Lei do Direito Autoral e a utilização sem autorização expressa, bem como a reprodução com intuito de lucro, se constitui crime sujeito às sanções penais. Havendo a necessidade de publicação em outros sites ou outros meios de comunicação, favor entrar em contato com chefcarlaserrano@gmail.com

Translate

domingo, 2 de setembro de 2012

Pão de Abóbora com Chia - sem glúten e sem lactose

Foto: Carla Serrano

Rendimento: cerca de 7 fatias

Ingredientes:
1 xícara (chá) de abóbora seca cozida no vapor e amassada (200g) pesar depois de cozida
5 colheres (sopa) de água (75ml)
1 ovo (60g)
1 clara (40g)
5 colheres (sopa) de azeite de oliva (75ml)
3 colheres (sopa) rasadas de açúcar refinado (30g)
1 colher (sobremesa) de sal (7g)
2 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de arroz (250g)
1 xícara (chá) de polvilho doce (100g)
2 colheres (sopa) de chia (18g)
2 colheres (chá) de goma xantana (4g)
1/2 colher (sopa) de fermento biológico seco instantâneo (5g)
1 gema + 1 colher (chá) de azeite + 1 colher (chá) de água para pincelar

Preparo:
Na fôrma da máquina de pão, coloque os 7 primeiros ingredientes. Em uma tigela, junte a farinha de arroz, o polvilho, a chia, a goma xantana e o fermento, incorpore-os muito bem, despeje-os na fôrma e ligue a máquina de pão. Quando parar o batimento da massa pincele delicadamente a gema misturada com o azeite e a água sobre o pão. O meu pão foi assado em uma máquina que só processa fermentação única (um só amassamento no início). Foram 15 minutos de amassamento, 20 minutos de descanso e 40 minutos de cozimento. Desenforme morno e reserve sobre uma grade até esfriar. Corte em fatias, embale e guarde na geladeira. Para o dia seguinte, aqueça no micro-ondas por alguns segundos antes de consumir.

Para preparar no forno convencional:
Foto: Carla Serrano


Junte todos os ingredientes secos em uma tigela e os ingredientes líquidos em outra junto com a abóbora. Misture bem, despeje os secos sobre os líquidos e mexa até obter uma massa homogênea. Distribua em forminhas individuais untadas com óleo, pincele com a gema e deixe descansar por 45 minutos. Coloque no forno ainda frio, acenda-o e regule para 180oC. Asse por cerca de 45 minutos.

Dica:
É importante que todos os ingredientes estejam em temperatura ambiente.


Todos os posts e fotos constantes neste blog estão protegidos pela Lei do Direito Autoral e a utilização sem autorização expressa, bem como a reprodução com intuito de lucro, se constitui crime sujeito às sanções penais. Havendo a necessidade de publicação em outros meios de comunicação, favor entrar em contato com chefcarlaserrano@gmail.com


34 comentários:

  1. bellissimo questo pane, lo proverò di sivuro.. =))
    a presto Anna di http://unpodibricioleincucina.blogspot.it/

    ResponderExcluir
  2. OI CARLA, MEU NOME E RONILDA SANTOS,TENHO INTOLERÂNCIA AO GLÚTEN,AS SUAS RECEITAS TENHAM NIM AJUDADO MUITO,ESTOU COM UMA DUVIDA COM O PÃO DE ABÓBORA COM CHIA,POSSO USAR A BATEDEIRA OU LIQUIDIFICADOR OU SÓ MAQUINA DE PÃO.OBRIGADA . ABRAÇOS

    AGUARDO A RESPOSTA
    RONILDA SANTOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ronilda!
      Para preparar o pão sem a máquina de pão proceda conforme a orientação que está logo abaixo da foto do pãozinho individual. Não é preciso batedeira e nem liquidificador. Você pode misturar tudo com um batedor de arame.
      Abs

      Excluir
  3. Olá, Carla

    Apenas passei para dizer que este é o melhor pão do planeta!
    Parabéns pela receita!

    Memeco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Memeco!
      Que bom que gostou.
      Obrigada!
      Abs

      Excluir
  4. dúvidas, hehehehe, qualquer tipo de abóbora serve? pq esta da foto ai, não achei na minha cidade e o ovo posso substituir pelo que e qual medida? grata

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suzana,
      Utilizei abóbora seca / de pescoço / menina. Conheço com esses nomes!
      O ovo… mesmo caso do pão de alho!
      Abs

      Excluir
  5. onde moro só encontro abobrinha italiana e abóbora de leite, será que a leite serve, moro na bahia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode tentar substituir pela abóbora de leite. Pelo que vi no Google a imagem parece de uma moranga.

      Excluir
  6. não gosto do sabor da goma xantana, posso substituir por outra coisa ou simplismente não colocar????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Palmi, boa noite!
      A goma é necessário, pois ele ajuda na elasticidade da massa. Sem ela seu pão ficará farelento como farofa.
      Pode usar CMC.
      Achei estranho, pois a goma não tem sabor.
      Abs

      Excluir
  7. Oi Carla, eu poderia substituir a abóbora por batata doce ou mandioca???
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Simone!
      Acho mais interessante utilizar a receita do pão de mandioquinha aqui do blog para fazer essas substituições, pois são vegetais com texturas parecidas.
      Abs

      Excluir
    2. Olá Carla, infelizmente eu não encontrei e receita do pão de mandioquinha do blog. Poderia nos passar de novo? Obrigada!

      Excluir
    3. Olá Caroline!
      Tive que tirar algumas receitas do blog, pois presenciei algumas pessoas utilizando-as para dar aulas na mídia ou até mesmo como conteúdo didático de apostilas, E SEM os devidos créditos. Isso pode se caracterizar como roubo de propriedade intelectual, já que tenho data de publicação. É um trabalho sério e de muito estudo, pesquisa e testes.
      Fiquei muito chateada e por pouco não tirei o blog do ar.
      Mas como o objetivo principal (além do meu trabalho) é o de ajudar as pessoas que tem restrições alimentares, as receitas retiradas foram pouquíssimas e o blog está no ar! :)
      Peço desculpas, pois é uma situação que acaba atingindo pessoas que nada tem relacionado.
      Espero que compreenda!
      Abraços

      Excluir
    4. É uma situação complicada mesmo Carla... você pretende vender um livro ou ebook com suas receitas? Tem como você me enviar essa receita por e-mail (correaadv@yahoo.com.br)?
      Obrigada pela gentileza.

      Excluir
  8. Olá Carla! Estou com um caso especial. Preciso cozinhar sem glúten, sem lactose e sem açúcar nem adoçantes (só posso usar mel). Posso preparar esse pão sem o açúcar? Atenciosamente,

    ResponderExcluir
  9. Carla essa pão fica mais para o doce???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Andreia!
      Em relação a quantidade de açúcar e de sal fica neutro. Mas pela abóbora ser levemente adocicada, tende para um pão mais adocicado também.
      Abs

      Excluir
  10. Olá Carla, adorei seu site! Você poderia me disponibilizar uma receita de pão de batata doce/mandioquinha? Ou podemos substituir a abóbora por batata doce? Eu estou louca para fazer um pão que dê certo! .... Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Caroline!
      Pode usar esta mesma receita e substituir!
      Abs

      Excluir
  11. Oi Carla, fiz o pão ontem e queria tirar umas dúvidas contigo. Ele não cresceu e a massa ficou colando nas mãos #chatiada. O gosto ficou bem bom, mas ele ficou baixinho, não sei onde errei. Não usei o polvilho doce e usei a cabotia. Tô chateada mas não vou desistir não! Vou tentar com a batata doce! Depois te conto! Bj!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fernanda!
      Precisa utilizar o polvilho doce!
      A abóbora japonesa, que é a que você, também funciona, mas pode dar alguma diferença sim, já que a abóbora que indico é mais aguada.
      A massa fica pegajosa, não é de modelar. Tem textura para assar em fôrma. Fica pastosa como um bolo amanteigado.
      Bjos

      Excluir
  12. Oi Carla adorei suas receitas. O açúcar serve para reagir com o fermento, certo?! Como eu não consumo açúcar, gostaria de saber qual a quantidade certa apenas para que essa reação ocorra de forma eficiente. Obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luciana!
      O fermento se alimenta do "açúcar"da farinha e também desse açúcar. Além disso, o açúcar auxilia na maciez da massa e na coloração dourada. O teste foi feito com a quantidade indicada na receita!
      Abs

      Excluir
  13. Oi Carla gostaria de saber se você tem alguma sugestão nutritiva para incrementar este pão e deixo-lo mais agradável aos olhos das crianças que muitas vezes são atraídas principalmente pela aparência de um prato. Obrigado!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rodolfo, boa noite!
      Acho este pão bem bonitinho e nutritivo com abóbora e chia. Mas pode acrescentar um pouquinho mais de sementes, talvez em flocos como quinoa, por exemplo, aumentando o valor nutritivo. Quanto a aparência, pode salpicar gergelim ou colocar em forminhas coloridas. Abs

      Excluir
  14. Olá Carla... Fiz o pão agora mesmo... E quando misturei os ingredientes, ficou uma massa de modelar. Desgrudou das mãos... Então modelei e coloquei em uma forma para descansar os 45 min.
    Só achei estranho pois você comenta que a massa fica pastosa. Não sei onde errei... Talvez a abóbora... Usei a mesma que está aparecendo na foto :/
    Estou esperando para ver... rsrs... Depois conto o resultado!
    Beijo grande!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Malu, boa noite!
      Pode ter colocado um pouquinho a mais de goma xantana no momento de medir ou pesar. Também pode ocorrer uma variação de quanto de água a goma absorve de marca para marca.
      Abs

      Excluir
  15. Oi Carla, parabéns pelo blog, estou amando tuas receitas!! Fiz este pão agora, mas depois percebi que usei a abóbora cambotia e tb substitui o açúcar refinado pelo demerara. O pão ficou "massudo" e não cresceu muito... será que foi isso? Ah, tb não tinha goma de xantana e usei Psyllim que me disseram que é a mesma coisa... agora estou percebendo que devo ter errado feio nessas substituições, não é? rrs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Angelica!

      O psyllium não é extamente como a goma xantana e pode fazer diferença na preparação sim.

      Abraços

      Excluir
  16. Olá Carla, tudo bem? Fiz o pão hj e ficou uma massa de modelar, consegui até modelar com cortadores, oq será q fiz de errado, utilizei a xícara de 240ml, será q foi isso?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nathalia!
      Certamente foi a medida da xícara, já que indico xícara com 200ml.
      Abs

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.